Copyright 2018 - Centro Social de Paramos

Dia Internacional da Mulher

  Para nós continua a ser uma data importante para relembrar que a discriminação de género ainda é uma realidade em todo o mundo!
  O CSP tem esta luta presente todos os dias e mimou as pessoas do sexo feminino oferecendo flores pelos colaboradores do sexo masculino.
  Na Equipa de Rua SMACTE, as utentes receberam um alfinete feito por utentes do centro comunitário, em forma de flor, para se lembrarem sempre do lema de que ser mulher não é ser menos. 
  No Lar S. José tratamos do bem-estar e beleza das nossas "meninas" com uma aula de ginástica de manhã e de tarde uma sessão de manicure para todas!

  Em Portugal, de acordo com dados do Instituto Nacional de Estatística (2015), o desemprego afeta em maior número as mulheres com habilitações superiores (49.999) do que os homens (25.021) e, no que toca a remunerações, a discrepância entre homens e mulheres é igualmente notória: o ganho médio mensal para os homens em Portugal é de €1208,80, já para as mulheres não chega sequer aos €1000, ficando pelos €957,60.


  
As mulheres são também as principais vítimas tanto de assédio moral (16,7%) como de assédio sexual (14,4%) no local de trabalho (Comissão para a Igualdade no Trabalho e no Emprego (CITE) e Centro Interdisciplinar de Estudos de Género do Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas, 2017).

  A nível mundial, segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), estima-se que 35% das mulheres em todo o mundo já tenham sofrido qualquer violência físico e/ou sexual praticada por parceiro íntimo ou violência sexual por um não- parceiro em algum momento de suas vidas.

  Estima ainda que 7 em cada 10 mulheres já foram ou serão violentadas em algum momento da vida. 

  Estes são apenas factos inegáveis que interferem diretamente com a qualidade de vida do sexo feminino e por isso mantêm-se a comemoração deste Dia, como uma forma de descriminação POSITIVA para lembrar a todos e a todas que ser mulher não significa ser menos capaz, ser menos pessoa, ter menos direitos. Mas também não significa ser igual, porque existem diferenças nos géneros que nos torna singulares e complementares.

  Este dia existe para relembrar que a Equidade Social ainda não é uma realidade e que a luta continua!

  Veja a galeria de fotos no nosso facebook.

Convocatória Assembleia Geral Ordinária

Dia ao Contrário

Um pouco por todo o mundo hoje assinala-se o dia ao contrário e certamente o CSP não perdia este dia por nada.
Por isso decidimos dar um pouco de criatividade e loucura ao dia de todos e "viramos" (quase) tudo ao contrário!
Querem ver como correu? 

Veja a galeria de fotos no facebook.

Carnaval Sénior

  A VITAMINA DA ALEGRIA!

  Desperdiçar alegria não é de todo para nós e por isso o CSP aceitou, mais uma vez e com muita alegria, o convite da Câmara Municipal de Ovar para participar no Carnaval sénior.
  
Engane-se pois, quem pensa que o Carnaval é só para jovens! Já dissemos e voltamos a afirmar, os nossos clientes do Lar S. José e do grupo Ocuparte do Centro Comunitário têm folia para dar e vender. E sim, claro que temos provas.

Veja a galeria de fotos no nosso facebook.

Desfile de Carnaval

  Com alegria se começa o dia, e com folia se encerrou o dia dedicado ao carnaval. Pois é mesmo verdade.
  As ruas de paramos foram, na passada sexta-feira, invadidas pelos nossos foliões que se fizeram acompanhar por importantíssimos reforços: familiares e amigos! E quem por nós passasse não tinha como fugir às nossas vitaminas de alegria, sendo as únicas opções rir e brincar, celebrando assim connosco o carnaval.
  Afinal de contas é carnaval, ninguém leva a mal.

  Veja a galeria de fotos no nosso facebook.

Vencedores de Bairros em Família

  No seguimento da realização do concurso “Bairros em Família”, dinamizado no âmbito do CLDS 3G “Espinho Vivo” – Eixo 3, procedemos à entrega dos respetivos prémios aos meritórios vencedores.

  Desta forma,o resultado da classificação foi o seguinte:
  1.º Lugar: César Barges (11 pontos)
  2.º Lugar: Eva Ribeiro (8 pontos)
  3.º Lugar: Carlos Rualde (6 pontos)
  4.º Lugar: Luís Araújo (4 pontos)
  Parabéns aos participantes! 

  Veja a galeria de fotos no nosso facebook.

Vermicompostagem

  Hoje foi dia de fazer a “cama” às minhocas.
  As crianças das salas 7 e 8 receberam a simpática visita da Lipor para aprenderem a fazer vermicompostagem. 
  A vermicompostagem é um método que se baseia no trabalho das minhocas, organismos especializados na decomposição de matéria orgânica, que permite transformar os resíduos da cozinha (restos de frutas e legumes) num excelente corretivo orgânico.
  Quer saber como preparar o vermicompostor?

  Veja a galeria de fotos no nosso facebook.

CSP Participa no 1º Encontro Nacional dos NPISA

 df

  O Centro Social de Paramos, na qualidade de entidade coordenadora do NPISAE (Núcleo de Planeamento e Intervenção Sem-Abrigo do concelho de Espinho) foi convidado a participar no 1º Encontro Nacional dos NPISA, que decorreu no passado dia 27 de Fevereiro no Auditório da Culturgest em Lisboa. Várias entidades envolvidas na ENPISSA (Estratégia Nacional para a Integração de Pessoas em Situação de Sem-abrigo) participaram neste evento e partilharam as suas experiências. 
  

  Na mesa redonda, que simbolizou o compromisso dos diferentes ministérios com a estratégia, destacamos:
- Fernando Araújo (Secretário de Estado Adjunto e da Saúde) focou a importância de não ignorarmos o sofrimento mental inerente à experiência de estar em situação de sem-abrigo, colocando a tónica na intervenção na saúde mental; e enalteceu o peso da intervenção das Equipas de Redução de Danos na intervenção de 1ª linha;
- Ana Pinho (Secretária de Estado da Habitação) reforçou que as pessoas não são coisas que se ponham em gavetas, e adiantou que irá ser lançado em breve um programa de acesso à habitação direccionado às situações de maior carência e que o IHRU (Instituto da Habitação e Reabilitação Urbana) vai disponibilizar 20 fogos específicos para pessoas em situação de sem-abrigo;
  
- Cláudia Joaquim (Secretária de Estado da Segurança Social) garantiu que haverá reforço de respostas, de acordo com os diagnósticos dos territórios de cada NPISA; alertou que a habitação pode não ser a melhor resposta para uma pessoa em situação de sem-abrigo, pois cada caso é um caso; e sublinhou a importância de uma boa gestão entre a necessidade imediata e a resposta adequada.

  Foram ainda abordadas ao longo do dia potencialidades e fragilidades da estratégia, de forma a existirem concertações a nível não só nacional como regional. Ao longo do dia, ficou em concordância o conceito de que nenhum caso de pessoa em situação de se-abrigo é igual, obrigando à criação de respostas diferenciadas que contemplem diferentes características e contextos pessoais. 
  
A sessão de encerramento contou com a presença de Marcelo Rebelo de Sousa, Presidente da República, que iniciou o seu discurso com um agradecimento a todos/as os/as técnicos/as que diariamente trabalham para que a estratégia se torne uma realidade na rua. 
  
Lançou ainda o desafio de até 2023 não existirem mais pessoas a permanecer por mais de 24h na rua por falta de alternativas, embora tenha salvaguardado os condicionamentos externos que possam impedir-nos de atingir este objetivo. Reconheceu ainda a complexidade deste tema e o quanto exige de todas as pessoas e instituições envolvidas no mesmo.
  

  Veja a galeria de fotos no nosso facebook.

Mímica

   Foi o dia em que assinalámos com os nossos séniores o dia do surdo/mudo através da mímica!
  
Tendo como objetivos despertar para as limitações do ser humano, trabalhar a motricidade e promover momentos de interação e diversão, convidamos os nossos séniores a representar!
  
Portanto, somente por meio de gestos, deram “asas” à imaginação e criatividade e tentaram passar mensagens ao grupo, que de forma muito atenta, se concentrou em acertar na palavra.
  
Realçamos que atividade foi dinamizada pelas estagiárias da Licenciatura de Enfermagem da Escola Superior de Saúde da Universidade de Aveiro (ESSUA), a quem agradecemos a colaboração.

  Veja a nossa galeria de fotos no facebook.

Campanha Beata no Chão, Não!

 

  O Centro Comunitário promoveu, em parceria com o CLDS 3G “Espinho Vivo” – Eixo 3 e com o apoio da Câmara Municipal de Espinho, a segunda iniciativa da Campanha “Beata no Chão, Não!”, integrada na Semana Europeia da Prevenção de Resíduos.

  Esta ação, sob o mote “Reutilização e Recuperação: dá-lhe uma nova vida!” foi considerada este ano pela Lipor, entre 173 ações registadas na sua área de influência, como a mais inovadora prática ambiental. Esta campanha, que decorreu no Complexo Habitacional da Quinta de Paramos, integrou atividades como a pintura e colocação das “beateiras” e sensibilização dos moradores para a não deposição de beatas no chão, veio dar continuidade à pintura das “beatinhas”, decorrida em Julho. O sucesso desta iniciativa deveu-se ao esforço e dedicação de alguns moradores, incluindo crianças e adultos, que apoiaram nas várias etapas.

  Um agradecimento especial à empresa “Mestre da Cor”, cujo apoio pela oferta de latas e tintas, contribuiu para a concretização de mais campanha.
  O Centro Comunitário prevê alargar em 2018 esta sensibilização à comunidade em geral, colocando “beateiras” em locais estratégicos da freguesia e sensibilizando para as consequências nefastas das beatas no chão.
  Não se esqueça “Beata no Chão, Não!”

  Veja a galeria de fotos no facebook.

Dia Mundial de Luta Contra a Sida

  Atualmente, pelo menos, “um em cada três dos 2,3 milhões de pessoas com VIH na Europa não tem consciência do seu estatuto serológico para o VIH. Metade das pessoas que vivem com VIH tem um diagnóstico tardio – o que atrasa o acesso a tratamento.”
  Tal significa que muitas pessoas não fazem o teste antes do surgimento de sintomas. Estas estatísticas indicam que é necessário fazer mais para incentivar as pessoas que desconhecem o seu estatuto serológico para o VIH a fazer um teste e direcionar melhor os testes para o VIH às pessoas que possam ter estado em situação de risco.
  Pelo 4º ano consecutivo, o Centro Social de Paramos /Equipa de Rua SMACTE associou-se à iniciativa Semana Europeia do Teste VIH - Hepatites - em parceria com a Associação Abraço e com o apoio do Município de Espinho, através da realização de rastreios à população em geral de forma confidencial, anónima e gratuita, entre os dias 17 e 24 de Novembro.

  Relembramos que a Equipa de Rua SMACTE mantém-se na Rede de Rastreio Comunitário, como um dos pontos acessíveis em Portugal para rastreio às doenças infeciosas de forma gratuita, anónima e/ou confidencial, podendo por isso marcar o seu teste através do telefone 969842614.
  
O SMACTE aconselha: Previna, Rastreie,Trate de Si.

  Veja a galeria de fotos no facebook.

Séniores (En)cantam com as janeiras

Também os nossos séniores não perdem nunca a oportunidade de "reviver as tradições" e de dar um "pulinho" à rua!

Dizem que a alegria e a boa disposição não escolhem idades. E os nossos idosos são a prova disso, não são?!

Espalham a animação em todos os sítios que vão.

Veja a galeria de fotos no facebook.

Jantar de Natal no Lar S. José

Partilhamos na nossa galeria do facebook alguns dos momentos vividos no jantar de natal que se realizou no passado dia 15 de dezembro no Lar S. José.

Uma noite onde os nossos séniores receberam a visita de representantes de todos os órgãos sociais da instituição e dos convidados/as: Vereadora da Ação Social e Cultura (CME), Dra. Leonor Lêdo da Fonseca, Presidente da CME Dr. Pinto Moreira,presidente da Junta de Freguesia de Paramos, Manuel Dias, Dr. Carlos Jorge Machado (Farmácia Machado) e do pároco Nuno Oliveira.

Também o ABCR / Rancho Regional Recordar é Viver de Paramos - Espinho e a Banda Paramos( BUMP) vieram dar as boas festas, contribuindo para uma noite cheia de alegria e de muita animação e a quem deixamos um especial agradecimento por todos os bons momentos que proporcionam.

No Lar S. José reinou o espírito natalício entre colaboradores/as, utentes e convidados/as… E com certeza não poderia ter sido de outra forma, porque o Natal é isto mesmo! É celebrar a amizade e a união … É partilhar os afetos a que todo o ser humano tem direito, mas que em especial todos os idosos merecem diariamente receber.

E assim se cumpriu mais uma tradição natalícia!

Prevenir a diabetes no Lar S. José

A diabetes é uma doença crónica que atinge cada vez mais pessoas em Portugal e o seu tratamento depende da conjugação de três fatores:

• Alimentação,

• Atividade física 

• Medicação

De forma a estimular os nossos idosos a praticar uma alimentação mais saudável e variada, no dia mundial da diabetes, que se assinalou a 16 de novembro, oferecemos um lanche um pouco diferente do habitual... Substituímos o tradicional pão por bolachas de milho com queijo fresco e compota de abóbora!

E sabem o que aconteceu? Os nossos idosos adoraram!

Veja a galeria de fotos no facebook.

Missão Pijama na Infância

Querida Família, partilhamos convosco algumas imagens da mais solidária e divertida missão do ano: a missão pijama! Embora as imagens possam mostrar o quanto nos divertimos, não vamos conseguir transmitir por imagens, nem por palavras o que aprendemos de tão importante… Ser solidário! Porque ser solidário só se transmite,só se vê, só se sabe ser ... com atos! E nós estamos muito felizes por termos tido a oportunidade de ajudarmos tantas outras crianças que, tal como nós, deveriam ter direito a crescer numa família… Sabemos que nem sempre o mundo é muito justo, mas de pequenino aprendemos que é possível transformá-lo num Mundo muito melhor, mais justo, mais bonito e bem mais divertido. E para essa grande Missão para com o Mundo vamos sempre contar com o teu apoio, com a tua solidariedade, com o teu carinho, com o teu amor e amizade. Porque tudo isso é o que eu preciso para ser feliz e assim fazer os outros felizes. Vamos juntos construir um Mundo onde todas as crianças possam crescer com a memória de uma vida em Família!

Veja aqui a galeria de fotos.

Dia Europeu da Alimentação e da Cozinha Saudáveis no Lar S.José

Para assinalar o Dia Europeu da Alimentação e da Cozinha Saudáveis decidimos confecionar com os nossos séniores uma deliciosa e saudável receita de panquecas de aveia com maçã caramelizada. Esta ação teve como objetivo dar continuidade ao trabalho de sensibilização que fazemos com os idosos no sentido de combater a obesidade e incentivá-los para a adoção de regime alimentar equilibrado!

Recordamos ainda que para manter hábitos saudáveis na alimentação recomenda-se que: tome o pequeno-almoço todos os dias; coma de 3 em 3 horas; coma 5 peças de fruta/legumes por dia; beba uma boa quantidade diária de água; use menos sal e açúcar nas refeições. 

Veja a galeria de fotos aqui.

Contactos

Morada: Travessa da Junta, nº 44, 4500-541 Paramos
Telefone: 227330870
Telemóvel: 963239865
Fax: 227330879
E-mail: geral@centrosocialparamos.org 
protecaodedados@centrosocialparamos.org  

 

Área Reservada